Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

Fortaleza encerra preparação para estreia na Série A do Brasileiro; confira provável escalação

Fortaleza encerra preparação para estreia na Série A do Brasileiro; confira provável escalação
 

Time leonino embarca para São Paulo nesta sexta-feira (26), às 17h, para enfrentar o Palmeiras, no Allianz Arena
 
Fortaleza encerrou a preparação para enfrentar o Palmeiras na estreia da Série A do Campeonato Brasileiro, nesta sexta-feira (26), com treino fechado no CT Ribamar Bezerra, em Maracanaú. O técnico Rogério Ceni comandou atividade de uma hora com o elenco principal, já testando os novos reforços ofensivos no plantel: Jefinho e Kieza.
 
Com partida disputada neste domingo (28), no Allianz Parque, a delegação tricolor embarga para São Paulo às 17h, com previsão de chegada às 20h. A lista de relacionados não foi revelada pela comissão técnica do Leão. Titular na final do Campeonato Cearense, o volante Paulo Roberto reforçou que a equipe sabe das dificuldades fora de casa, mas não vai mudar a postura ofensiva que vem apresentando nas últimas partidas.
 
"Joguei lá algumas vezes e consegui bons resultados. Fui campeão com o Corinthians. É uma equipe muito boa, que tem 37 jogadores que podem ser titulares em qualquer equipe do Brasil. Não sabemos qual quem vai jogar, mas independente do time A, B ou C, são jogadores qualificados. Sabemos também que a torcida deles empurra e cobra bastante. A gente tem que ser inteligente e não ter medo de jogar. Então, independente do adversário, não podemos mudar nosso estilo, que é o de segurar a posse bola, como o ceni vem pedindo. Assim, teremos condições de igualar o esquema do adversário", afirmou.

O Fortaleza deve entrar em campo com: Marcelo Boeck; Tinga, Quintero, Roger e Carlinhos; Paulo Roberto, Felipe, Osvaldo e Edinho; Wellington Paulista e Júnior Santos.
Invicto na temporada há 11 partidas, sendo seis sem sofrer gols, o Fortaleza adotou um esquema de jogo com quatro atacantes e dois atletas fixos no meio-campo. Sobre a estratégia de jogo, Paulo Roberto revelou que o esquema ajuda na marcação.  
 
"A gente entendeu bastante o que é jogar com quatro atacantes  porque eles ajudam muito na marcação. Tanto Edinho como Osvaldo acompanham o lateral até a linha de fundo. Júnior Santos, Wellington e o próprio Romarinho não dão descanso para o volante. Então pra mim e para o Felipe é mais fácil. A gente não tem que se preocupar tanto com os volantes e podemos focar mais nos atacantes e meias. Essa consciência tática ajuda bastante", finalizou.

Histórico

Atuais campeões nacionais, Fortaleza e Palmeiras se enfrentaram 11 vezes ao longo da história, com duelo marcado pelo equilíbrio. O Leão venceu três, empatou quatro e perdeu quatro vezes. O Leão marcou 13 gols e sofreu 27. O último triunfo leonino aconteceu pelo Brasileirão de 2005, com 2 a 1 no antigo Parque Antártica. Fumagalli, duas vezes, garantiu o resultado, enquanto Lúcio descontou.

 
Fonte: Diário do Nordeste - Alexandre Mota 
Divulgação: Site Eternamente Futebol 
Em 26 de abril de 2019