Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

A insatisfação de parte da torcida não é por causa da perda do Campeonato

Colunistas: 
Marcos Antônio

A insatisfação de parte da torcida não é por causa da perda do Campeonato
 
O Tricolor realizou 18 partidas pelo Campeonato Cearense . Foram 18 formações e esquemas táticos diferentes.
 
Eu aprendi ( talvez eu tenha aprendido errado) que o objetivo de qualquer técnico é fazer com que sua equipe encontre o esquema de jogo e a formação ideais. Isto irá contribuir para o time conquistar o chamado entrosamento. 
Obviamente, o esquema de jogo poderá ser alterado por causa de contusões ou por causa de cartões,todavia o padrão de jogo definido não impede que o time faça variações de jogadas.
 

O fato é que o Campeonato Cearense terminou e o Tricolor inicia a Segundona em busca dessa formação padrão e desse esquema de jogo ideal.

Dizem que a superioridade técnica do elenco do Ceará sobre o do Fortaleza foi a única causa dos quatros tropeços seguidos do Leão para o rival. Qualquer torcedor consciente sabe que este argumento não tem sustentação. Nas três derrotas sofridas e no empate , o FEC entrou em campo como um time inferior ao rival.
 
Sinceramente, analisando e comparando as peças dos dois times , não consigo identificar grandes diferenças técnicas entre as duas agremiações. Essa ideia foi construída , erroneamente, pelo técnico Ceni. A meu ver, Pio e Chamusca ( ex- Fortaleza) e Artur ( da base do Ceará) fizeram a diferença a favor do time alvinegro nos quatro clássicos-rei.
 
Essa ideia de inferioridade foi construída pelo próprio técnico. Eu vi o Ceará ser derrotado pelo Floresta, Iguatu e Uniclinic. Nesses três jogos os algozes do rival fizeram grande jogo , a ponto de anular as principais jogadas do adversário. Será que , se o técnico desses times tivessem passado a ideia para seus jogadores de que eram inferiores , teriam conseguido vencer?
 
Já que o Rogério Ceni veio treinar o Fortaleza com o objetivo de iniciar e consolidar a carreira como técnico, então ele deve fazer uma retrospectiva de suas falas e de seu trabalho e , assim, procurar corrigir os erros cometidos no decorrer do Cearense e adotar posturas e ações diferentes na Série B.
 
Entendo que o Ceni deve continuar como técnico e que sejam aguardados os resultados da equipe nas partidas iniciais da Segundona. 

Eu torço pelo FEC e pelo Ceni. Tomara que Rogério Ceni consiga se reabilitar.
 
Marcos Antonio Vasconcelos Rodrigues
 
Texto publicado nas redes sociais em 11 de abril de 2018