Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

Palmeiras favorito, Corinthians defendendo o título, Santos, São Paulo... Como chegam os quatro grandes para o Paulistão

Palmeiras favorito, Corinthians defendendo o título, Santos, São Paulo... Como chegam os quatro grandes para o Paulistão
 
 
A partir do dia 17 de janeiro a bola mais uma vez voltará a rolar no estadual mais forte e difícil do Brasil. Maior campeão do Paulistão, com 28 títulos, o Corinthians tentará defender o título do ano passado. Ao contrário do que aconteceu em 2017, o Timão não chega para o torneio como a quarta força, mas mais uma vez o status de favorito é do Palmeiras, que conta com um elenco com mais estrelas se comparado com o dos seus rivais.
 

Palmeiras
 
Habituado a inúmeras contratações nos últimos anos, diminuiu o Palmeiras diminuiu a quantidade de reforços em relação aos últimos anos. Para 2018, a ideia foi manter a maior parte do elenco e fazer algumas mudanças pontuais que fazem com que a equipe chegue mais uma vez como favorita.
 
Bem financeiramente, o Verdão focou em qualificar alguns setores considerados mais frágeis. Além do técnico Roger Machado, anunciado ainda no fim de 2017, apenas cinco caras novas chegaram. No entanto, comparado com os outros grandes do estado, foi quem trouxe os nomes mais badalados, como o lateral-direito Marcos Rocha, que por vários anos foi eleito o melhor jogador da posição no Brasil vestindo a camisa do Atlético-MG, e o meia Lucas Lima, que era um dos destaques do Santos e até pouco tempo vinha sendo convocado para a Seleção Brasileira.
 
Além dos dois citados, também chegaram Weverton, Emerson Santos e Diogo Barbosa. O goleiro, titular na inédita conquista do ouro olímpico e presente em algumas convocações de Tite, chega para disputar posição com Fernando Prass e Jailson. O zagueiro é tido como uma promessa e o lateral-esquerdo foi um dos destaques da posição em 2017 vestindo a camisa do Cruzeiro.
 
 

Corinthians
 
 
Campeão paulista e brasileiro em 2017, o Corinthians aparece em 2018 não como a quarta força como no ano passado, mas a segunda logo atrás do Palmeiras. O Timão contratou três jogadores, sendo que apenas o lateral-esquerdo Juninho Capixaba, que estava no Bahia, deve chegar já para ser titular. Ele terá a missão de substituir Guilherme Arana, que foi negociado com o Sevilla. Renê Júnior e Júnior Dutra, também já confirmados, vieram para compor elenco.

 
 

O Timão, porém, segue vivo no mercado atrás de reforços de peso, principalmente para repor as saídas de Pablo e Jô. Na zaga, o zagueiro Henrique já está apalavrado e tenta só acertar sua rescisão com o Fluminense para assinar contrato e chegar para formar dupla de zaga com Balbuena.
 
Já para o ataque, o clube alvinegro não tem nenhuma negociação adiantada. Os dirigentes alvinegros não escondem a dificuldade para achar um centroavante com a capacidade de substituir o craque do último Brasileirão, Jô, que foi vendido para o Nagoya Grampus, do Japão.
 

Santos
 
O Santos é o clube que está mais atrasado no planejamento, principalmente por conta da mudança de diretoria com a eleição vencida por José Carlos Peres, e por isso aparece atrás, pelo menos nesse momento, na luta pelo título estadual.
Até aqui, além do técnico Jair Ventura, apenas Romário, que estava acertado desde 2017, chegou. Uma série de outros nomes já foram comentados, como Robinho, Gabigol, Hudson e Alemão, mas nenhuma negociação parece estar adiantada.
 
 

São Paulo
 
O São Paulo também causa muita preocupação no seu torcedor. Depois de um 2017 difícil, com várias eliminações precoces em torneios eliminatórios, incluindo o Paulistão, e a briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o torcedor se preocupa com as prováveis saídas de Hernanes e Lucas Pratto.
 
Principal responsável pela reação do São Paulo na competição nacional em 2017, o meia teve o seu retorno de empréstimo solicitado pelo Hebei Fortune. O jogador ainda tentará convencer o clube chinês a deixa-lo no Tricolor pelo menos até o meio do ano, mas o pessimismo é grande entre os dirigentes do clube. Já o atacante argentino deixou claro que gostaria de ser vendido para o River Plate para ficar mais próximo da família.
 
 
Além de Jucilei, adquirido em definitivo, a única contratação confirmada é a do goleiro Jean, que se destacou no Bahia na última temporada. O Tricolor ainda tenta e negocia as contratações de alguns jogadores, como Diego Souza.
 
By: Yahho! 
Divulgação: Site Eternamente Futebol 

Em 07 de janeiro de 2018, às 12h